Se você está interessada em começar a investir, a primeira providência é abrir uma conta em uma corretora de valores. É on-line, gratuita e você não precisa pagar taxa de manutenção de conta como existe no bancão.

Existe uma lista com as corretoras participantes no site da B3, a Bolsa de Valores brasileira, e você pode escolher. Vou deixar o link aqui: lista de corretoras

Quando fizer o seu cadastro, você vai responder a um questionário inicial no site da corretora e descobrir qual é o seu perfil de investidora: conservador, moderado ou agressivo. De acordo com esse perfil, você verá quais os investimentos adequados e indicados no seu caso.

Então, você começa a fazer a sua reserva financeira. Ou seja, você precisar guardar o equivalente a seis vezes o seu gasto mensal. Esse valor deve estar investido em renda fixa, de liquidez bem rápida, como por exemplo, o Tesouro Direto (Selic) ou algum fundo de investimento de renda fixa.

Lembre-se: Não tem como conquistar um objetivo de qualquer jeito. Você precisa construir uma mentalidade forte, estabelecer o seu plano, criar uma rotina.

Defina uma quantidade de dinheiro que você pode “guardar” por mês. E aumente esse valor a cada 3 meses. Pra isso, talvez seja necessário buscar uma fonte de renda extra ou cortar algum gasto.

Comece, então, a pesquisar sobre as modalidades de investimento em Renda Fixa e Renda Variável.  Elaborei um e-book gratuito pra te ajudar a iniciar a empreitada investidora.

Entenda: investimento é como se você emprestasse o seu rico dinheiro para alguém e recebesse juros por isso.

Aprender a investir é um círculo virtuoso: quanto mais você entende o funcionamento, mais quer pesquisar e aplicar.

A única forma de ter lucro na empresa da vida financeira é ter custos mais baixos do que a receita. Portanto, gaste menos do que você ganha e economize dinheiro para fazer os seus investimentos.

A visão é sempre essa: quanto eu posso economizar esse mês pra investir?
Se você tiver um objetivo a alcançar a longo prazo, ajuda no cumprimento das metas a curto prazo. Defina os seus objetivos!

Cada pessoa é única, com quantidade de dinheiro e disponibilidade de tempo diferentes. Portanto, não se compare! Comece com o que você tem disponível em suas mãos.

Escrito com muito carinho por Caroline Daher.


Caroline Daher é analista de investimentos CNPI-T, criadora do Blog Mulher na Bolsa, escritora e Mestre em Direito e Negócios Internacionais. É apaixonada por aprender e ensinar.